04/04/2008



Ah... Paris!!!
Hoje, meu tio-avô Antônio me mandou um email com fotos de Paris. Gente, Paris é tudo de bom, né? Fiquei olhando as fotos e viajando... Fiquei me vendo naqueles lugares lindos e perfeitos demais! Paris é tanta coisa e ao mesmo tempo uma só: puro glamour! Minha mãe sempre fala: Paris tem que ser visitada, no mínimo, uma vez por ano, e eu concordo plenamente. Porque o melhor mesmo de lá, é viver a cidade sem as “obrigações” turísticas. É simplesmente andar pelas suas ruas, sentar em um dos milhões de cafés e ver a vida passar, tomando uma taça de champagne, de preferência. É visitar os museus (Orsay é meu favorito) sem hora para deixá-los, é passar a tarde toda naquelas lojinhas maravilhosas de chocolates e poder experimentar (quase) todos, é bater perna em suas incríveis lojas, é andar de barco pelo Sena e ficar babando, é sentar em suas margens e fazer um delicioso pic-nic de sanduíche de queijo. É visitar as feiras de antiguidade e também aquelas de comida. É entrar em qualquer supermercado e se sentir uma criança ao olhar todas aquelas embalagens de comidinhas sensacionais (e querer comprar tudo prá comer!). Aliás, comer em Paris é uma das melhores coisas desta vida. Ah... Paris é um vício! E desse vício não me quero curar! Nas fotinhas acima, uma pausa no terraço da Printemps Haussmann, o lindo céu que Paris me presenteou numa visita (turística, rs) à torre, e dois smarts no Boulevard Saint-Germain.

3 comentários:

Sheyla disse...

Museus e comidinhas deliciosas... Que tentação! E essa foto com esses carrinhos, eu amei!

Bel disse...

Ludi... eu ainda não fui à Paris. Estamos planejando para este ano e tenho certeza que vou pensar muito do que já pensas. Seria tão bom que todos pudessem sair de si mesmos e mergulhar em paraíso suspensos desse mundão de Nosso Deus! Sempre que viajo e fico encantada com o que vejo, sinto, cheiro, eu penso nisso. Alguns luxos deveriam ser essenciais.
Lindas fotos.
Um beijo,
Bel.

Anne disse...

Olá. Lendo o Conexão Paris, vi uma dica de vocês sobre o hotel Coypel naquela capital. Gostaria de, se possível, obter informações de quem lá se hospedou. Desde já, agradeço.